Faça sua doação

Pai perdoa assassino de seu filho e mostra fé diante da perda

Área de Conteúdo

Pai perdoa assassino de seu filho e mostra fé diante da perda

Pai perdoa assassino de seu filho e mostra fé diante da perda

Foto: reprodução
Foto: reprodução

Para começar o ano acreditando que o perdão ainda é a chave para muitas situações difíceis, olha só essa grande lição de ser humano. Um australiano teve um encontro emocionante com o acusado de atropelar e matar seu filho e o mais inusitado: ele liberou perdão ao homem.  O pastor australiano Karl Sisson recebeu na igreja que lidera Adrian Murray, 24 anos. Ele estava dirigindo alcoolizado quando atropelou Josiah Sisson, 9 anos, na cidade de Springwood, na costa leste da Austrália. O menino foi levado ao hospital em estado grave e acabou falecendo um dia depois.

A tragédia aconteceu no Natal e, segundo o jornal ABC News, o encontro aconteceu na igreja onde Karl ministra, no dia seguinte. Murray participou do culto. No final, emocionados, o pai da vítima e o acusado se abraçaram e choraram. Peter Field, outro pastor da igreja, divulgou as imagens. “Para ser honesto, essas fotos me confrontam e me desafiam”, relatou.

“Quando o motorista viu o pastor Karl Sisson, acabou caindo em seus braços, visivelmente tocado”, conta. Para ele. “Isso foi, com certeza, um teste daquilo que pregamos e cremos. Como é de se imaginar, foi um momento de muita emoção para todos”, finalizou.

Josiah estava no quintal de casa com alguns amigos olhando os enfeites natalinos da rua quando o carro conduzido por Murray invadiu a calçada e o atropelou, batendo na lateral da casa, que ficou bastante danificada.

Para os pais da vítima, a decisão de perdoar o acusado pelo crime era algo muito importante. O motorista havia ingerido álcool e foi acusado de homicídio. Ele aguarda em liberdade o início de seu julgamento, programado para fevereiro.

Informações do site vejadetudo.com.br com adaptações

Compartilhe:
X
Angelo Rocha Desenvolvimento WordPress