Pastora Karla Couto ministrou no Arena sobre lutar contra o abuso – Sara Nossa Terra

Pastora Karla Couto ministrou no Arena sobre lutar contra o abuso

 

No sábado, 18, o culto Arena Sede, presencial e on-line, começou com louvor e apresentação da Banda Stone. Em seguida, no momento de oração, o pastor Lucas Pontes declarou sobre muitas vezes às pessoas estarem cercadas pelos medos interiores e dificuldades .  Contudo, afirmou que maior é a presença de Deus que está sobre todas as situações.

Logo após, o bispo Marcos Dal Bello declarou que o ambiente da unção também estava entrando em cada casa com suas respectivas famílias. Em clima de descontração o pastor Diego Kort se apresentou como “ Musta da Visão”, personagem de comédia criado por ele para conduzir o quadro de brincadeiras – onde cada indivíduo representando equipes do Arena respondia perguntas sobre a Bíblia. E, quem errasse, recebia uma torta na cara.

No momento do “debate da mesa” na série Lute, foram convidadas a bispa Laura Dal Bello e Karla Couto- pastora, psicóloga e coordenadora nacional do “Ligue 180” – canal de disque denúncia de informação e ajuda contra a violência das mulheres.

O tema abordado referiu-se sobre  “ Lute Contra o Abuso”. Mostraram que existe abuso em vários segmentos, como por exemplo, na violência doméstica.  Inclusive, a pastora descreveu fatos do tempo em que foi “ Conselheira Tutelar” que marcaram a vida dela. Entre eles, ela lembrou uma situação quando foi socorrer uma criança, onde a mãe dela, em pleno  Centro Cirúrgico entregou o filho para o processo de adoção. Deste modo, foi relatado sobre o abuso emocional, onde as pessoas acabam se mutilando e têm vontade de se matar. “ Pois a sensação da pessoa que  foi abusada é que ela está suja e ao mesmo tempo ela se sente culpada. E os sintomas desenvolvidos são depressão, ansiedade, transtorno do pânico e falta de confiança nos relacionamentos. Também as memórias que não foram tratadas ficam voltando na vida das pessoas, por causa do cérebro. É preciso que você peça ajuda para quebrar o ciclo da violência. Eu louvo a Deus pela Sara Nossa Terra, pois por meio dos líderes e das células muitas pessoas recebem ajuda”, afirmou Karla Couto.

E, na explanação, a pastora disse que é muito comum o abuso hoje no mundo. Ao contar o próprio testemunho, ressaltou que em meio ao poder de Deus, a memória pode ser resignificada e as dores tratadas. “ Por meio de minha vida pude ver que Jesus poderia curar tudo. Pois permiti que o perdão entrasse em meu coração. Pois eu podia transformar a raiva que tive do abuso em força. Hoje sou casada e mãe de três filhos.  Você que se identificou com o que falamos, que sofreu algum tipo de abuso, saiba que não é o fim, pois Deus pode mudar sua história. Existe cura para sua vida nesta noite.  Abra mão desta dor por meio do perdão,  entregue-se no altar de Deus e não seja mais refém dela. Você que está nos assistindo em casa e está sofrendo, saiba que não é o fim. Receba o amor de Deus nesta noite”, finalizou.

Fotos Gabriel Souza

Voltar pra igrejas

Posts Relacionados

Faça um comentário

X
Evento Teste