Arena Jovem Sede – Ítalo Suassuna aborda sobre o poder do testemunho, persistência e amor – Sara Nossa Terra

Arena Jovem Sede – Ítalo Suassuna aborda sobre o poder do testemunho, persistência e amor

O Arena Jovem deste sábado, 25, na Embaixada Sara Nossa Terra, em Brasília, recebeu como preletor o missionário Ítalo Suassuna. Em sua ministração falou sobre o poder do testemunho, persistência e amor. Usou como exemplo a vida do pastor chinês Watchman Nee  que também foi considerado uma dos grandes avivalistas do século XX.”Este lugar tem o poder de Deus e igual ao saudoso homem de Deus que impactou à China e de certa forma influenciou todo o mundo, possamos cumprir ao chamado, debaixo de oração e jejum, e não tendo medo de perseguições”, destacou.
O preletor destacou uma experiência vivida, onde ao fazer um pedido ao aplicativo de transporte Uber, a motorista demorou muito para localizar o endereço onde ele estava. Ou seja, ao chegar, ela estava incomodada com a situação. E quando estavam chegando perto da igreja, e superando todas as circunstâncias contrárias, ele falou do Senhor para ela, e dias depois ela visitou a SNT pela primeira vez. “Como fazemos para trazer pessoas para à igreja? Eu e você precisamos estar cheios do Espírito Santo e fazer a diferença por meio da palavra, assim você terá legalidade para entrar no mundo espiritual. O evangelista Watchman Nee sofreu com prisão, fome, escassez e diversos problemas para levar o testemunho de Jesus Cristo. Quantos de nós por causa de pequenas divergências, faltamos aos cultos? Portanto, tenham a certeza que este Altar tem o poder de curar. Com qual amor você tem servido a Jesus? Não importa a situação que você se encontra, Deus o livra de qualquer problema ou circunstância negativa. O que é mais precioso para você? Para Watchman Nee era a presença do Espírito Santo que o orientava para seguir à missão e chamado. Que possamos declarar todos os dias que o Eterno é nosso maior tesouro”, finalizou.
Relatos
Rosana França
“Foi aqui no Arena que eu fui liberta e curada. Vim por influência de meu filho, mas me afastei. No entanto, meu filho Henrique orou muito para eu voltar. E estar aqui é uma celebração da vitória!“.
 
 
 
 
Henrique Dumont
“A Igreja me salvou! Descobri que podia ser alguma coisa na vida. É onde Deus me deu um propósito. E sobre o Arena Outbox, uma das inflências surgiu da ideia do líder da equipe Onda, na qual faço parte. Para mim é igual uma oxigenação espiritual, pois leva o movimento da igreja para fora das quatro paredes!”.
 
 
Confira fotos:

 
Credito das fotos: Gabriel de Souza
Texto: estagiário Bruno Faria sob supervisão de Jeane Magalhães

Voltar pra igrejas

Faça um comentário

X
Evento Teste