Primeiro período da Celebração BSB tem palavras sobre empoderamento e cultura do Reino – Sara Nossa Terra

Primeiro período da Celebração BSB tem palavras sobre empoderamento e cultura do Reino

Há 40 anos o Ministério Sara Nossa Terra se reúne para “celebrar”. Neste ano uma multidão esteve presente no Campus Arena para a Celebração Internacional SNT que celebra os Novos Avanços. Hélio Borges levantou um grande louvor logo pela manhã e trouxe à todos instantes de intimidade e adoração.
Dando o pontapé inicial do evento, Bispo Lucas Cunha ministrou sobre a importância de se examinar as práticas e condutas. “Quem é Deus na sua vida? Quando você ceia sem se alinhar com a tua casa, com a tua vida o altar você traz juízo sobre você. Quando você recebe unção de Deus está alinhado para receber força. Examine o seu coração porque quando a minha satisfação no Senhor já não é tão grande com as coisas do Senhor é porque tem algo errado”.
Bispo Rodovalho realizou um momento profético de clamor e, em seguida, pregou sobre duas histórias de poder.  “Por que você tem que ter uma reputação alta aos olhos de quem não te ama e não te valoriza?. Você se preocupa demais com as pessoas que estão lá fora e não com quem está dentro, que se preocupa e chora por você”, disse.
Na pregação tomou por base o texto de II Crônicas 27: 16-17 e destacou que Deus precisa ter poder, não por você apenas, mas para o seu propósito. “Propósitos só se cumprem quando existem pessoas emponderadas por trás deles. Não critique quem tem sucesso, aprenda com eles.”
Na sequência, pastor Pepe Ramnath falou sobre o poder da cultura. “Parece que há um debate na nossa mente, parte de nós quer algo novo, mas nós lutamos com aquilo que aprendemos no passado. Ouvimos a mensagem do Reino mas tem algo na nossa cultura que quando crescemos que resiste essa mensagem. Estamos lutando contra um sistema antigo, contra uma cultura. Todos nós somos vítimas de uma cultura”. Em sua explanação, destacou ainda que se começarmos a falar sobre frequências, sons, física e química, nós podemos pensar que a igreja se tornou intelectual, “quando na verdade física seria estudada em faculdades, mas a intenção original de Deus é que a igreja seja o centro de toda informação.”
Ao falar sobre Josué, Bispa Priscila Rodovalho Cunha deu início à programação do período da tarde, após o louvor da banda Stone Worship. Em sua ministração, questionou aos presentes. “Quais são suas muralhas? O que tem tirado você do foco?. As vezes as muralhas para você são os seus pensamentos. Reconheça a grandeza de Deus, não coloque que Deus é responsável por você não ter conquistado ainda. Será que você não tem deixado que as suas cicatrizes te parem? Nem todas as pessoas aceitam que as cicatrizes que carregamos é que vão te forjar e te impulsionar para a frente.”
A Celebração Internacional Brasília volta à noite com mais pregações, louvor e abertura oficial. Não perca! Fique atento as nossas redes sociais e acompanhe tudo em tempo real: @sntoficial e @celebracaosntoficial.
Confira as fotos

Créditos fotos: Gabriel de Souza
 

Voltar pra igrejas

Faça um comentário

X
Evento Teste