Doe agora

Cuidado com o que se come

Os benefícios de uma boa alimentação já não é mais novidade. Comer aqueles alimentos que geralmente são indicados por terceiros e que “aparentemente” não apresentam risco algum, podem ser nocivos à saúde, caso sejam manuseados de maneira errada.

Frutas, verduras e sementes encontradas com facilidade nos supermercados e feiras das cidades, frescos e com aparência saudável podem conter substâncias tóxicas. Veja abaixo, oito alimentos listados que merecem cuidado e atenção ao serem consumidos:

1.  Maçã: que a fruta é uma delícia e contribui para a diminuição do colesterol e ainda mantém a pessoa saciada por causa das fibras, muitos já sabem. Mas, o que não imaginam é que ela pode ser venenosa, pois suas sementes possuem cianeto, composto químico altamente tóxico. Entretanto, não precisa entrar em pânico, caso tenha ingerido algumas “sementinhas”, apesar de não ser recomendado fazer isso, não se preocupe, pois a quantidade de cianeto é baixa, mas nada de exageros.

Foto Post Dra. Luciana - Maça quanta maravilha

2. Mandioca: também conhecida como Aipim e Macaxeira, possui maior quantidade de vitaminas A, B1, B2 e C e é um dos vegetais mais ricos em carboidratos, todavia suas raízes e folhas quando mal processadas liberam o cianeto de hidrogênio, gás incolor com odor amargo. Para que isso não aconteça, é recomendado que sejam tomados alguns cuidados em seu preparo, inclusive no cozimento. Tomando esses cuidados é possível evitar uma intoxicação aguda, levando a pessoa a ter vômitos e até mesmo a morte em alguns casos.

images

3. Cogumelos: ricos em proteínas, vitaminas, sais minerais, fibras, carboidratos e com baixo teor de gordura, são muito consumidos pelos brasileiros. Existem muitas espécies de cogumelos, mas em nenhuma é possível a “olho nu”, identificar venenos ou substâncias alucinógenas.

2278028-139446-1280

4.      Noz-Moscada: é uma semente que é encontrada dentro dos frutos da árvore Moscadeira. Tem propriedades antiinflamatórias e ajudam a ter uma noite de sono mais tranqüila. Porém, não é somente benefícios que a semente apresenta. Segundo informações, existem dois casos documentados de morte por noz-moscada: um em 1908 e outro em 2001. A semente possui substâncias alucinógenas.

expanded_38364

5. Cereja: além de ser uma fruta docinha, possui propriedades antiinflamatórias, mas requer cuidados, pois as sementes ao serem esmagadas ou mastigadas produzem cianeto, o mesmo gás encontrado nas maçãs e mandioca.

14018cerejas1

6. Tomate: os caules e as folhas do fruto contêm glicoalcalóides, compostos geralmente encontrados nas batatas. A substância pode causar nervosismo e problemas gástricos. Essas partes não são usadas, por exemplo, nas saladas, mas servem para enfeitar os pratos.

download (1)

7. Batata: rica em carboidratos acompanha vários pratos. Quem nunca comeu um bife bem assado com purê de batatas? Uma delícia, não é mesmo? Mas, fique atento, assim como o tomate, suas folhas também contém quantidades consideráveis de glicalcalóides, que podem causar fraqueza, confusão mental e até a morte.

01062012Batata_FotoMarcosSantos003

8. Amêndoa amarga: apesar de ter um sabor muito popular, também possui cianeto, mas antes de serem liberadas para consumo, são processadas e o veneno é removido. Em alguns países, como a Nova Zelândia, sua comercialização é proibida.

DSCN1481

Seguindo essas recomendações é possível ficar fora de risco e ter uma vida mais saudável. Não deixem de apreciar as iguarias que nosso país tropical oferece, com muita cautela e moderação. Bom apetite!

Faça um comentário

X