Mensagens

SER SUBMISSO É ANDAR SEGUNDO O CORAÇÃO DE DEUS

Submissão, ao contrário do que se pensa e fala, significa “estar debaixo da mesma missão”. Se dentro de uma casa, por exemplo, duas pessoas pensam diferentes e têm visões diferentes, e cada uma acredita na sua, elas não irão construir ou alcançar algo juntas, pois vão viver sempre longe, separadas uma da outra.

Mas, se estiverem debaixo da mesma missão, elas vão alcançar seus sonhos e Deus irá honrá-las.

Em 1ª Samuel vemos que Davi foi submisso ao rei Saul da melhor maneira possível, com um coração puro, querendo fazer o melhor, pois assim ele agradava a Deus. Vemos que mesmo Saul tendo-o perseguido, em nenhum momento Davi o desonrou e se voltou contra ele. Com essa atitude Davi foi honrado por Deus. Por ter se submetido a Saul, não ter agido por suas próprias mãos e ter honrado a Palavra de Deus e o rei, Deus o honrou.

Hoje vemos que ser submisso é uma atitude ruim, de escravidão; a sociedade não vê como algo que vem de Deus. Hoje, se uma mulher é submissa e honra seu marido, significa que ela está sendo humilhada, colocada para baixo, perdendo sua personalidade.

Davi serviu ao seu rei mesmo com toda a perseguição que ele sofreu. O quanto você tem sido submisso a Deus, ao seu marido, a sua esposa, aos seus líderes espirituais?

Hoje você tem a oportunidade de se consagrar a Deus e pedir que volte a ser submisso, a ter a mesma atitude de Davi, a andar segundo o coração de Deus!

Sobre o colunista

Nascida em Goiânia, Lúcia converteu-se ao cristianismo aos 17 anos. Mesmo diante de uma carreira promissora como jogadora de vôlei, ela decidiu se dedicar à missão de levar a Palavra ao mundo, de conquistar almas para a vida em Jesus. Aos 19 anos, casou-se com Robson Rodovalho e juntos fundaram a Igreja Sara Nossa Terra. Hoje sãos bispos e presidentes mundiais do ministério evangélico. Teóloga e doutora em Filosofia, formou-se também em Psicologia pela Universidade Católica de Brasília, especializando-se em terapia familiar. É fundadora do mais expressivo ministério liderado pela Sara Nossa Terra, o Arena Jovem. O projeto nasceu em 2003, em Brasília, quando a Bispa Lúcia Rodovalho assumiu o desafio de mobilizar a atenção de milhares de jovens e apresentar-lhes a vida em Jesus Cristo - um caminho que levaria à transformação de suas vidas. Das habilidades que lhes são inatas e das que construiu ao longo da vida com sua experiência profissional, Bispa Lúcia considera sua capacidade de ouvir e entender o outro como o aprendizado mais relevante e decisivo para sua missão de evangelização. Quanto ao foco de seu trabalho, estruturado o projeto Arena Jovem em todo o Brasil, tem se dedicado principalmente ao tema família. Para a Bispa Lúcia Rodovalho, o amor, a base de uma família, germina à luz do respeito, do diálogo e do perdão. E a família é a base sobre a qual se constrói um futuro de realizações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress Image Lightbox Plugin