Mensagens

POR QUE LIDAR COM O DINHEIRO É UMA QUESTÃO EMOCIONAL?

O desejo exagerado por dinheiro ou a dificuldade em adquirir e administrar o mesmo não é só uma questão espiritual, mas também emocional. Nós valorizamos tanto o dinheiro e, muitas vezes, não aprendemos a lidar corretamente com ele. Por conta disso, famílias estão sendo destruídas, casamentos e pessoas estão em crise por não suportarem a pressão gerada por dívidas ou pelo orçamento sem planejamento e sempre apertado. Pessoas estão deprimidas, angustiadas, desesperadas para alcançarem uma vida saudável financeiramente, mas que nunca conseguem êxito nessa empreitada. Passam anos e anos lutando contra dívidas, escassez, e não percebem que muitas vezes essa inabilidade em administrar não é por falta de recursos ou oportunidades, mas gerada por um bloqueio emocional que carregam em sua história.

Carregamos valores emocionais que construímos desde a infância, e a maneira como lidamos com o dinheiro em nossa vida adulta é fruto das crenças incutidas em nós, desde os primórdios da nossa existência. Mas, afinal, qual é o significado emocional do dinheiro?

É importante compreender que não aprendemos o significado emocional do dinheiro em qualquer lugar, mas no solo onde fomos germinados, em nossa família. É lá que aprendemos o que o dinheiro significa, seu poder de influência e importância, os hábitos para usá-lo e administrá-lo.

E, da mesma maneira que você aprendeu sobre finanças com seus pais ou com quem lhe educou, seus filhos também aprenderão através do seu exemplo em administrar as finanças da família. Ou seja, se você não mudar os hábitos ruins, que talvez você tenha herdado da sua família de origem, esses hábitos irão perpetuar nas próximas gerações até que alguém decida modificá-los. Você já pensou sobre a herança emocional em relação ao dinheiro que deixará para as próximas gerações da sua família? Qual o exemplo que tem dado em relação às finanças?

Por isso, é importante você mudar seus hábitos, buscar soluções para ter uma vida saudável financeiramente, para que o legado deixado aos seus filhos também seja de uma convivência harmoniosa na vida financeira.

Sobre o colunista

Robson Rodovalho é físico graduado pela Universidade Federal de Goiás, da qual também foi professor. Formou-se ainda em Teologia e Filosofia, adquirindo conhecimentos que associa às suas constantes pesquisas no campo da Física Quântica. É fundador, Bispo e presidente do Ministério Sara Nossa Terra, que criou em 1992, ao lado de sua esposa, Bispa Lúcia Rodovalho. Conferencista internacional, ministra palestras sobre temas relacionados à relação entre ciência e fé, gestão, desenvolvimento pessoal e profissional, entre outros. Compositor e cantor, já lançou dois DVDs e sete CDs. Com o título “Sara Nossa Terra, Por Favor”, gravado pela Som Livre, garantiu o Disco de Ouro, em 2013. Rodovalho também é escritor. Seu ultimo livro, Rompiendo las Maldiciones Hereditarias, junta-se a uma bibliografia própria com mais de setenta obras. Entre os títulos de caréter científico, destaca-se Ciência e Fé – O Reencontro pela Física Quântica. Publicado pela editora LeYa, o título ficou por três semanas no topo da lista dos mais vendidos no país da revista Veja, logo após seu lançamento, em julho de 2014. Presidente da Rede Gênesis de TV e da Rede Sara Brasil de rádio, Rodovalho apresenta o programa Vida com Esperança, que vai ao ar diariamente para 22 capitais em sinal captado pelas TVs abertas. A transmissão também é reproduzida pelas rádios. Atuou como deputado federal por um mandato (2007-2010), deixando relevante legado para a sociedade. Entre as suas contribuições, destacam-se as bases da legislação que concedeu isenção fiscal ao microimportador (“sacoleiros”), além da lei que reconhece eventos gospel como culturais, concedendo-lhes os benefícios da Lei Rouanet que garantem financiamento mediante renúncia fiscal. Entre as homenagens que recebeu estão a condecoração como Destaque Nacional da Frente Parlamentar Evangélica (2004), Honra ao Mérito – Comissão Nacional de Defesa dos Direitos Humanos (2009) e Medalha do Mérito Legislativo (2013).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress Image Lightbox Plugin