Mensagens

NÃO VASCULHE O SEU PASSADO

Quem está vivendo o hoje se preocupa com o futuro. O maior esforço da Palavra de Deus é que você esqueça teu passado, lança teus pecados no mar do esquecimento. Deus não nos exorta a olhar para o passado porque traz marcas, que trazem memórias e congelam as dores.

Quando você se lembra do passado, normalmente se lembra porque tem marcas e elas têm memória emocional, que é muito mais forte que a memória racional. A memória emocional não se apaga facilmente, ela congela a dor. A dor que aconteceu lá atrás e está viva, latente, dentro de você.

Só olhe para o passado para lembrar quantas vezes Deus interviu na tua história. Que quando você não tinha dinheiro, clamou e apareceu. Quando você estava doente, orou e Ele te curou. Olha para o passado e lembre-se que  o Senhor foi Deus todas as vezes que você clamou, chorou, pediu. Deus é um Deus que age ontem, hoje e amanhã.

Não vasculhe o passado para culpar outra pessoa, condenar tua esposa, teu filho, marido, autocondenar. O passado está enterrado. Deus pede para você pegar as lembranças do passado, ver as intervenções d’Ele e olhar para o futuro, porque Ele vai anunciar o fim desde o princípio. A maior necessidade do ser humano é conhecer o final, porque no meio dos processos é que estão os medos, as inseguranças, as incertezas. O medo trava.

Deus mais do que conhecer, fala, comunica o final. Ele poderia conhecer o final, mas não compartilha com a gente e não reparti. A Bíblia diz que ao confiar no Senhor você estará seguro. Confia nos teus profetas e prosperareis” (2 Crônicas 20:20).

Todas as nossas decisões e escolhas são encapsuladas. Todo o seu futuro é encapsulado. Você olha o seu projeto com emoção, não com frieza, porque nós somos emocionais. Então olhamos o futuro com expectativa, com energia, com bastante ânimo. Você fala e se expressa, não é um robô, porque isso é saudável. Deus não quer você robótico, quer espiritualmente humano, feliz, realizado, bem sucedido.

Pega seus planos e seus sonhos e ponha dentro dos conselhos de Deus, como uma cápsula. O profeta termina dizendo que fará cumprir toda a vontade de Deus, não a sua. Pegue a vontade de Deus e faça dela o seu plano e o seu projeto.

Sobre o colunista

Robson Rodovalho é físico graduado pela Universidade Federal de Goiás, da qual também foi professor. Formou-se ainda em Teologia e Filosofia, adquirindo conhecimentos que associa às suas constantes pesquisas no campo da Física Quântica. É fundador, Bispo e presidente do Ministério Sara Nossa Terra, que criou em 1992, ao lado de sua esposa, Bispa Lúcia Rodovalho. Conferencista internacional, ministra palestras sobre temas relacionados à relação entre ciência e fé, gestão, desenvolvimento pessoal e profissional, entre outros. Compositor e cantor, já lançou dois DVDs e sete CDs. Com o título “Sara Nossa Terra, Por Favor”, gravado pela Som Livre, garantiu o Disco de Ouro, em 2013. Rodovalho também é escritor. Seu ultimo livro, Rompiendo las Maldiciones Hereditarias, junta-se a uma bibliografia própria com mais de setenta obras. Entre os títulos de caréter científico, destaca-se Ciência e Fé – O Reencontro pela Física Quântica. Publicado pela editora LeYa, o título ficou por três semanas no topo da lista dos mais vendidos no país da revista Veja, logo após seu lançamento, em julho de 2014. Presidente da Rede Gênesis de TV e da Rede Sara Brasil de rádio, Rodovalho apresenta o programa Vida com Esperança, que vai ao ar diariamente para 22 capitais em sinal captado pelas TVs abertas. A transmissão também é reproduzida pelas rádios. Atuou como deputado federal por um mandato (2007-2010), deixando relevante legado para a sociedade. Entre as suas contribuições, destacam-se as bases da legislação que concedeu isenção fiscal ao microimportador (“sacoleiros”), além da lei que reconhece eventos gospel como culturais, concedendo-lhes os benefícios da Lei Rouanet que garantem financiamento mediante renúncia fiscal. Entre as homenagens que recebeu estão a condecoração como Destaque Nacional da Frente Parlamentar Evangélica (2004), Honra ao Mérito – Comissão Nacional de Defesa dos Direitos Humanos (2009) e Medalha do Mérito Legislativo (2013).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress Image Lightbox Plugin