Faça sua doação

Eduarda Lino conta a importância da SNT na sua reconciliação com Deus

Área de Conteúdo

Eduarda Lino conta a importância da SNT na sua reconciliação com Deus

Eduarda Lino conta a importância da SNT na sua reconciliação com Deus

eduardaMaria Eduarda Lino, 15 anos, desde pequena recebeu tudo que tinha dos pais, principalmente por ser filha única. Seu pai, policial militar a criou em um regime rígido, mas sempre fez todos os seus gostos e deu tudo o que a garota sempre quis. Mas chegou um momento da vida em que ele perdeu tudo, por questão de trair a mãe de Eduarda com várias mulheres, embora a mãe soubesse de tudo, mas se sentisse intimidada, ainda que nunca tivesse sido ameaçada.

“Sempre fui criada em um meio de muita autoridade. Sempre quis impor muita autoridade em cima das pessoas, até mesmo dos meus pais, mesmo sem ela existir. Meu pai tinha muitos bens materiais, fazenda e até criação de gado, mas sua maior perca foi a morte do pai, o que o desestabilizou por completo”, conta.  Depois disso, Eduarda começou a se envolver com pessoas de mal caráter, começou a frequentar muitas festas e mesmo quando ia com os pais, fugia da atenção deles e reunia-se com as más companhias para beber e ficar com vários garotos.

Nessa época, seu pai começou a ter depressão e por ser policial sempre andou armado. “Ele não conseguia dormir a noite, ficava na porta do meu quarto com a arma do lado e eu fingia que estava dormindo, com muito medo de que durante a madrugada eu escutasse o tiro do meu pai ter se matado”, lembra. Com o tempo ela foi se perdendo ainda mais, só não chegou as drogas, mas sabe que se tivesse continuado por aquele caminho teria se afundado por completo, mas foi então que conheceu a Sara Nossa Terra.

Dois amigos a convidaram para uma célula, onde participou durante um tempo e sempre recebia o convite para conhecer a igreja, mas recusava. “Eu pensava que aquilo de “crente” não era para mim, pois eu era uma menina nova”, dizia.  Com o passar do tempo pararam de chamar, mas em um outro encontro a convidaram para o Revisão de Vidas, novamente inventou várias desculpas e não foi. “Minha resistência acabou quando decidi conhecer o Arena Jovem, ali aceitei Jesus Cristo. Naquele dia tudo conspirou para que eu não fosse e eu quase desisti. Mas fui e tudo foi surpreendente, me reconciliei com Deus e tudo mudou”, afirma.

Compartilhe:
X
Angelo Rocha Desenvolvimento WordPress