Faça sua doação

Direcionamento ministerial e espiritual marcam a Santa Convocação Sacerdotal, em Brasília

Área de Conteúdo

Direcionamento ministerial e espiritual marcam a Santa Convocação Sacerdotal, em Brasília

Direcionamento ministerial e espiritual marcam a Santa Convocação Sacerdotal, em Brasília

Uma geração, três propósitos. Esse foi o tema central da Santa Convocação Sacerdotal da Sara Nossa Terra, realizada entre os dias 23 e 25 de novembro no Campus Arena, em Brasília. E na manhã deste sábado, 26, o evento contou com palavras do Bispo Robson Rodovalho e momento profético no Jardim Bíblico.

Ministrando sobre o que destrói uma geração, Rodovalho foi enfático ao afirmar que o patrimônio das lideranças é humano e está nos líderes que são formados. Disse ainda que esse trabalho não é fácil, por isso é importante estar com a saúde em dia. “Um líder cansado não consegue passar a missão para os seus liderados, então ministre a vida e nunca o julgo às pessoas. Deus tem aliança primeiro com o propósito. Se alguém falha, Ele manda outro porque o encargo não fica vazio”.
Destacou ainda algumas passagens Bíblicas, entre elas Números 1:20, 4:23, Levíticos 9:23 e 10:1. Sobre os aspectos que destroem os líderes, o preletor citou a falta de discernimento dos territórios e a ilusão. “A nossa proteção está pelas nossas diligências. O primeiro ponto que destrói as gerações é a falta de discernimento, porque não percebem os novos territórios. A proteção de Deus passa pela nossa sabedoria, pelo nosso juízo. Algo mais prejudicial aos discípulos é dar algo que ele não conquistou. Não dê as honras do Senhor sem o devido cuidado, porque você só é respeitado se você conquistou com a sua espada o seu território”.
Confira fotos:

Crédito das fotos: Ronaldo Caldas e Eduardo Lauton

Compartilhe:
X
Angelo Rocha Desenvolvimento WordPress