Faça sua doação

Culto de Conexão (27.07) – Bispa Lis Assunção fala sobre vencer a amargura

Área de Conteúdo

Culto de Conexão (27.07) – Bispa Lis Assunção fala sobre vencer a amargura

Culto de Conexão (27.07) – Bispa Lis Assunção fala sobre vencer a amargura

Quando você olha para a sua vida você acha que está na plenitude de Deus ou no deserto? Com essa indagação, bispa Lis Assunção  ministrou na noite desta quinta-feira, 27, na Embaixada Sara Nossa Terra, em Brasília.
Em sua abordagem, a preletora falou sobre as fontes e como tema: Vencendo a Amargura. O livro de Êxodo 15:22 foi utilizado para dar embasamento ao assunto o qual mostra Moisés tirando o povo do Egito, e durante 3 dias andando com o povo pelo deserto e não achando água tratada para beber, apenas água amarga, mas mesmo assim, no meio de todo caos e necessidade, o Senhor os sustentou.  Diante disso, bispa Lis  indagou: “É melhor ficar com sede ou beber água amarga? Mas com Deus não existe sede, nem deserto, e nem água amarga, porque Ele tem o melhor para nós”.
Porém, enfrentar o deserto não é uma tarefa fácil, ainda mais por não ser um lugar agradável, gostoso, o lugar da zona de conforto pra muita gente, mas é onde o Senhor leva os Seus filhos para ensinar algo. “Entenda que o deserto é uma escola para nós, aonde aprendemos a escutar a voz de Deus. O deserto é onde as pessoas são sustentadas por Deus. Só que o problema do deserto é que nos torna amargos”.
Talvez a demora numa notícia, uma direção, a falta de fé que muitas vezes bate à porta, faz com que as pessoas se tornem amarguradas, mas é preciso mudar, por isso, de forma enfática Bispa Lis destacou: “O deserto não pode te amargurar, não pode paralisar o tratamento de Deus na sua vida. Saiba que a amargura nunca é de fora para dentro, mas de dentro para fora, por isso eu creio que Deus quer falar ao seu coração, restaurar a sua vida. Entenda que a murmuração não muda em nada a sua vida, mas o clamor muda toda a sua história. Qual a sua decisão? Continuar reclamando ou clamando ao Senhor? Ele pode mudar a fonte da sua vida, porque Ele tem cura para a sua alma, para as enfermidades, para o seu casamento e para a sua família e no meio de toda essa transformação, Deus te trata e mesmo assim te deixa no deserto, mas trazendo provisão. Se você seguir os caminhos de Deus, não precisa se preocupar, porque o caminho melhor é a presença d’Ele. Mesmo que esteja no deserto, confia no Senhor, porque é nele que Deus  molda o nosso caráter!”.
Confira fotos:
Crédito das fotos: Ronaldo Caldas
Compartilhe:
X
Angelo Rocha Desenvolvimento WordPress