Faça sua doação

Culto de Conexão (18.01) Bispa Ana Almeida diz para ter cuidado com o que a boca fala

Área de Conteúdo

Culto de Conexão (18.01) Bispa Ana Almeida diz para ter cuidado com o que a boca fala

Culto de Conexão (18.01) Bispa Ana Almeida diz para ter cuidado com o que a boca fala

“A boca fala tudo que o coração está cheio”. Essa foi uma das observações feita pela Bispa Ana Almeida, durante o Culto de Conexão na Embaixada Sara Nossa Terra, em Brasília.
De forma enfática e citando alguns exemplos na Bíblia, e mesmo de situações que já vivenciou, bispa Ana destacou o comportamento de pessoas feridas, que acabam refletindo em seu exterior. “Se você estiver ferido ou machucado, vai sair nas suas palavras, então, cuidado com as coisas que são proferidas. Preste atenção no que você fala e deixe as pessoas te ajudarem  ”
A preletora salientou ainda que, estar na igreja e deixar o Senhor agir faz toda a diferença, mas estar de fato e em verdade em conexão com Deus, porque caso contrário: “Você pode vir para a igreja, ajudar outras pessoas, mas se a sua semente estiver com espinhos, ela não vai prosperar. Por isso, uma das maiores bênçãos é estar na igreja, porque este é um lugar de cura, aonde Deus arranca os espinhos, mas Ele não faz sozinho, você tem que permitir. Então, para avançarmos em 2018, nós temos que tratar do nosso coração e quando a Bíblia fala de coração ela fala de alma”.
E com uma belíssima ministração, bispa Ana destacou ainda que para ter um coração arado, é preciso ter conhecimento de alguns tópicos, como entender a própria vontade, trabalhar os pensamentos e as crenças. Disse, também, que uma das melhores maneiras de arrancar os espinhos, é fazer uma lista deles. “A vida fere a todos, indiscriminadamente, porque nós vivemos em um mundo de forças que não controlamos. Entenda que a vida não está contra você e Deus está a seu favor. Com a presença Dele, você pode vencer qualquer coisa. Por isso, não permita que nenhuma dor ou circunstancia roube o propósito de Deus na sua vida. Crescer no meio das adversidades é melhor do que ter uma vida amargurada, perdida. Tire os espinhos da sua vida. Não semeie os próprios espinhos, ore, are o seu coração”.
Confira fotos:

Crédito das fotos: Gabriel de Souza

Compartilhe:
X
Angelo Rocha Desenvolvimento WordPress