Faça sua doação

Culto de Conexão (09.11) "Ame as bênçãos que Deus te deu", enfatiza bispa Lis Assunção

Área de Conteúdo

Culto de Conexão (09.11) "Ame as bênçãos que Deus te deu", enfatiza bispa Lis Assunção

Culto de Conexão (09.11) "Ame as bênçãos que Deus te deu", enfatiza bispa Lis Assunção

Como é possível acreditar em uma determinada coisa, sem enxergar com os olhos naturais, sem  pecar? Com essa indagação bispa Lis Assunção iniciou sua ministração na noite desta quinta-feira, 09, na Embaixada Sara Nossa, em Brasília.
“Muitas pessoas dizem que não se deve amar a bênção, mas o Deus que dá a bênção , isso é muito importante, com certeza, mas eu te digo: ame a sua bênção, porque se você não amá-la, você vai perdê-la. Ame a bênção que Deus te deu, e isso é diferente de colocá-la no lugar de Deus”, enfatizou a preletora.
Sob o tema “Bênção”, bispa Lis destacou os livros de Hebreus 12:16 e Gênesis 25:34 para dar embasamento à sua ministração. “Quem tem a bênção despreza, mas que não tem daria tudo por ela”.
Esse exemplo foi destacado pela preletora para ilustrar a figura de Esaú, que era profano e trocou a bênção por um prato de comida. Já Jacó, seu irmão, queria a bênção a todo custo. “Nós, como seres humanos, desprezamos a Bíblia muitas vezes, a igreja, desprezamos a fé porque tudo que a Bíblia e a igreja trazem são questões invisíveis aos olhos humanos e esse é o grande conflito, porque não enxergamos as bênçãos e isso só mostra que estamos com os olhos voltados para aquilo que é material. Tudo que é material confunde a nossa fé, mas esse mundo é muito menor que o mundo espiritual, pois o mundo material obedece o que o mundo espiritual nos traz e quem entende isso, sabe valorizar as bênçãos mesmo elas sendo invisíveis “.
Tomando como exemplo uma balança, onde de um lado tem a bênção e do outro comida, bispa Lis destacou que o que é visível é muito atrativo, enche os olhos, por isso as pessoas tendem a escolher a comida. “Quem é imediatista, materialista, sempre vai escolher o prato de comida, porque está preso aquilo que ele consegue enxergar. A bênção constrói caminhos e para amar a bênção a gente precisa ter olhos espirituais, porque a bênção é invisível. Então, não troque a sua bênção, mesma que não a enxergue naquele momento, escolha a bênção, ame a bênção. Amarre os pensamentos de desistência. Nada vale tanto, como Deus na sua vida”, enfatizou.
Confira fotos:

Crédito das fotos: Ronaldo Caldas

Compartilhe:
X
Angelo Rocha Desenvolvimento WordPress