Faça sua doação

Culto de Conexão (01.06) "As convicções limitadoras são resultados das vozes interiores", diz bispa Lúcia

Área de Conteúdo

Culto de Conexão (01.06) "As convicções limitadoras são resultados das vozes interiores", diz bispa Lúcia

Culto de Conexão (01.06) "As convicções limitadoras são resultados das vozes interiores", diz bispa Lúcia

Muitas vezes as pessoas gastam tanto tempo com o trabalho, com as atividades do dia a dia, que acabam esquecendo de se olhar, de fazer uma autoavaliação sobre a vida emocional, e é justamente essa proposta do Culto de Conexão da Embaixada Sara Nossa Terra, em Brasília. E para trazer uma palavra de avivamento aos corações sedentos por Deus, Bispa Lúcia Rodovalho ministrou na noite desta quinta-feira, 1º, sobre as Convicções Limitadoras.
Em sua abordagem, a preletora destacou as passagens Bíblicas de Jeremias 6:19 e 29:11. Diante das leituras indagou os presentes sobre o que esperam de suas vidas.  “Quando você tem certezas limitadoras na sua vida, você diz que a situação ruim não pode mudar, mas o nosso mundo não é inerte, muda a toda hora, e nós podemos mudar o nosso mundo a todo instante, só depende de nós. As convicções limitadoras são resultados das vozes interiores. Aquela voz que ninguém escuta, só você. Essa voz é formada no decorrer da vida, desde o nascimento moldam o seu interior”.
Porém, Bispa Lúcia destacou ainda que muitas pessoas crescem com essas vozes interiores limitantes e que essas convicções limitadoras são a validação que o ser humano faz dos acontecimentos. ” O profeta fala sobre o mal que viria sobre os terra que são os frutos dos pensamentos e é interessante ver que quando o seu pensamento é negativo, o seu corpo entra em colapso. Então, não é para admirar que 99% das enfermidades são resultado das emoções, pensamentos mal elaborados, das convicções limitantes, porque o nosso cérebro coordena as nossas emoções”.
Mas então, o que fazer quando essas vozes limitadoras vierem, como vencê-las? A preletora destacou alguns pontos importantes como mudar o pensamento, identificá-las e assim fazer um “detox da alma”; encontrar as causas da convicção limitantes que geralmente estão ligadas à situações passadas, experiências traumáticas; eliminar do vocabulário palavras negativas e, por último, e não menos importante, elevar os padrões na sua vida.
“Duvide, critique e reavalie os seus pensamentos, essa é a melhor forma de identificar se a voz está querendo te fazer crescer ou não. Faça uma higiene mental todos os dias. Tenha o hábito de toda noite, antes de dormir, rever o seu dia, porque se você quer crescer emocionalmente, reavalie as suas decisões. Você vence essas vozes fazendo uma higiene mental. Deus não quer que você viva por viver, mas que você vença. Ele quer que os nossos pensamentos sejam alimentados pela Palavra d’Ele, não viva baseado na opinião dos outros, mas pela Palavra de Deus”, enfatizou.
Confira fotos:

Crédito das fotos: Ronaldo Caldas
 

Compartilhe:
X
Angelo Rocha Desenvolvimento WordPress