Faça sua doação

Arenão Ceilândia (22.11) – Bispa Priscila Cunha prega sobre arrependimento para estar livre do pecado

Área de Conteúdo

Arenão Ceilândia (22.11) – Bispa Priscila Cunha prega sobre arrependimento para estar livre do pecado

Arenão Ceilândia (22.11) – Bispa Priscila Cunha prega sobre arrependimento para estar livre do pecado

4T2A9741 (640x360)Estar longe do pecado e ter uma vida em santidade para muitas pessoas é uma tarefa árdua e muito difícil de realizar, mas é preciso arrepender-se diariamente.  Essa orientação foi feita pela Bispa Priscila Cunha que na noite de sábado (22), ministrou para uma multidão de jovens no Arenão da Ceilândia, cidade satélite do Distrito Federal.

Com o tema “Arrependa-se” da série de mensagens “Contagem Regressiva”, Bispa Priscila tomou como base a palavra descrita em Apocalipse 2:12 em que a igreja de Pérgamo passava por uma situação difícil, em que as pessoas praticavam a idolatria, mas Jesus, num dado momento, chamou a igreja para um arrependimento.

Diante dessa explanação, a preletora observou que até os dias atuais a idolatria e a imoralidade estão presentes, mas Deus confronta e alerta seu povo porque os ama. “É preciso vigiar e arrepender-se, olhar para dentro de si e buscar  o que precisa para se arrepender. Deixar o pecado requer fé e ousadia”, disse, destacando ainda que quanto mais oculto o pecado estiver das pessoas, mais satanás está próximo. “O pecado é como um abismo que nos separa do Pai. Quando há o abismo, não temos um relacionamento com Deus ”.
Provocando um ambiente de quebrantamento Bispa Priscila finalizou a palavra onde destacou que o arrependimento requer mudanças em três áreas: mente, coração e mudança de atitude. “Você precisa ser um inconformado. Precisa ter um coração quebrantado, entregue ao altar e o maior sinal de arrependimento é a mudança, de velhas atitudes por novas”.
Eu Sou Arena Jovem
4T2A9728 (640x360).
.
“Estou no Arena há cerca de 3 anos. O Arena mudou a minha vida, desde a primeira vez que pisei aqui, já senti a presença de Deus. Aqui foi o começo da mudança em minha vida. Eu quero que as pessoas também tenham essa mudança de vida, inclusive é isso que faço na minha célula”, destaca o técnico em prótese dentária, Attila da Mata, de 24 anos.
.
.
.
Confira fotos

Crédito das fotos: João Marcos

Compartilhe:
X
Angelo Rocha Desenvolvimento WordPress