Faça sua doação

Arena Jovem da Ceilândia (02.08) "O libertador", da série Guerra é Guerra

Área de Conteúdo

Arena Jovem da Ceilândia (02.08) "O libertador", da série Guerra é Guerra

Arena Jovem da Ceilândia (02.08) "O libertador", da série Guerra é Guerra

Arena Jovem da CeilandiaCom mãos erguidas e o coração sedento por Deus muitos jovens se reuniram neste sábado, 02, no culto Arena Jovem da Ceilândia, cidade satélite do Distrito Federal. O preletor da noite, pastor Luiz Carlos Júnior ministrou o tema “O libertador” da série “Guerra é guerra”.
“Nós cristãos temos uma vida normal. Temos amigos, família, vida social, negócios. O nosso grande diferencial é Deus. A medida que eu me aperfeiçoo e me preparo, Deus me usa. Aquilo que você tem é o que Ele precisa para transformar muitas vidas,” afirmou o pregador.
Jesus é o nosso libertador e todos nós somos propriedade de Deus. “Deus fala que eu e você temos muito valor e quando percebemos isso, tudo muda em nossas vidas. A nossa imagem é transformada e os nossos olhos se abrem, passamos a ver que somos vencedores”, disse o pastor Luiz Carlos.
Finalizando, o pastor Luiz Carlos exaltou a todos dizendo “na guerra toda estrutura é bem vinda e nós precisamos ganhar almas. Temos que provocar revolução e usar todas as nossas armas a serviço do reino de Deus,” afirmou.
Testemunhos
4T2A9253“Antes de Deus me alcançar eu tinha uma vida que se resumia apenas em álcool, maconha, baladas e amizades ruins. A minha vida não andava, sempre que eu começava algo, isto se rompia, eu não conseguia concluir. Por meio de uma amiga do colégio que frequentava a Sara Nossa Terra eu conheci a SNT e o Arena Jovem. Meus pais sempre foram evangélicos e  de certo modo eu já conhecia a Palavra e me senti incomodado por Deus. Aqui no Arena eu vi jovens adorando a Deus de uma maneira que eu nunca tinha visto antes. A minha vida foi mudando, as amizades principalmente e eu larguei tudo que era do mundo. Hoje eu posso dizer que eu tenho uma nova vida com Deus. Sou líder de célula e busco ganhar cada vez mais jovens para Deus,” conta Matheus Vinícius, 18, estudante.
 
4T2A9295“Em 2008 eu vim para a Sara Nossa Terra da Ceilândia e comecei a frequentar células, mas os meus pais não me deixaram vir mais para a igreja. Então eu comecei a viver o mundo, bebendo, me drogando e vivendo uma alegria momentânea. Aqueles que eu achava que eram meus amigos me desafiavam constantemente a fazer loucuras e para ser aceito por eles eu fazia, mas nunca esqueci o Arena. Até que em 2010, decidi voltar para Deus. Dessa vez minha mãe deixou que eu fizesse o Revisão de Vidas e meu irmão me ajudou a pagar a taxa. Depois disso, eu me apaixonei por Deus e passei a viver intensamente cada momento com Cristo. Na minha família eu sempre fui o excluido, taxado de burro, mas hoje sou o único que está diante de Deus e que tem uma vida repleta de frutos por meio do amor de Cristo. Hoje sou diácono da SNT e sei que posso crescer ainda mais,” afirma Pedro Henrique Santana, 19, diretor de arte.
 Confira fotos

Compartilhe:
X
Angelo Rocha Desenvolvimento WordPress