Notícias

Notícias Mundo + Notícias Sara Nossa Terra Notícias Testemunhos

“No primeiro Arena Jovem eu me apaixonei pela igreja”, conta Beatriz Lopes

Quem nunca recebeu o convite para conhecer uma igreja e se esquivou sempre com aquela velha desculpa: “Hoje não dá, mas depois eu vou”?. Com a jovem Beatriz Lopes não foi diferente. Depois de muita insistência por parte de um amigo de escola ela decidiu conhecer a Sara Nossa Terra. O culto escolhido foi o Arena Jovem e desde então, a sua vida nunca mais foi a mesma. “Eu sabia que eu precisava de um propósito, então um dia decidi ir com meu amigo. No primeiro Arena Jovem eu me apaixonei pela igreja”, conta.

E assim dava-se início a uma profundo e verdadeiro encontro com Deus.  “Eu passei a ir para a igreja, depois a frequentar uma célula, foi quando conheci os Parceiros de Deus e ali eu decidi desafiar a Deus, porque se Ele tinha um propósito em minha vida ele me mostraria naquela igreja. Antes dos Parceiros eu era uma pessoa extremamente vazia, eu não tinha planos e não acreditava em casamento. Não queria ter filhos ou família, mas depois de ofertar no projeto, Deus restituiu esse sonho”.

A vida de Beatriz não mudou completamente de um dia para o outro, mas aos poucos o Senhor foi agindo em seu favor. A jovem conta ainda que durante esse tempo, teve a casa inundada por uma enchente, perdendo tudo que havia dentro. Num primeiro momento ela ficou desesperada, mas depois confiou a sua fé em Deus e mais uma vez foi surpreendida. “Eu era líder, fiel nos meus dízimos, Parceiros de Deus e depois de dois meses Deus restituiu tudo em dobro para mim. Nós conseguimos muitas doações dos próprios membros da igreja que se organizaram em uma ação para nos ajudar. Até mesmo pessoas que não conheciam a igreja nos ajudou, porque a igreja funcionou como um ponto de recebimento. Minha vida mudou completamente. Hoje sou noiva, quero casar e ter uma família imensa. Os Parceiros de Deus me permitiu sonhar de novo. Hoje eu vejo a minha semente agindo na minha vida, mas também na vida de outras pessoas”, comemora.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *