Notícias

Notícias Mundo + Notícias Sara Nossa Terra Notícias Testemunhos

Cristãos transformam clínica de aborto em clínica de saúde gratuita

Foto/ reprodução

Uma clínica de aborto localizada no estado da Virgínia, nos Estados Unidos da América (EUA), foi fechada há dois anos e reformada para se tornar uma clínica de saúde gratuita.

O caso se deu depois que, em muitos anos, cristãos faziam orações e protestos do lado de fora da clínica. Foram realizadas quatro campanhas cujo título era 40 Dias pela Vida.

O mais curioso é que, entre os protestantes, existiu a história de uma mulher que orou por 15 anos para que o local fechasse. Era Kelly McGinn que, por mais de uma década, esteve do lado de fora da clínica a clamar pela ação divina.

“Estou impressionada com o poder de Deus. O fechamento desta clínica, sem dúvida, tem a ação do Espírito Santo por toda parte”, celebra a mulher cujas orações foram respondidas depois de anos.

“Alguns nos retratam como pessoas que ferem os direitos das mulheres. Mas trata-se de almas alcançando as mulheres necessitadas, desenvolvendo uma fonte de amizade. Esta não foi uma batalha, mas sim uma campanha de amor”, acrescentou Kelly.

Depois de dois anos fechada, a instituição foi comprada por empresários e ativistas cristãos pró-vida e, agora, o Centro de Saúde para Mulheres Amethyst se chamará Clínica Médica da Mãe da Misericórdia e terá seus atendimentos gratuitos.

Um jornal local chegou a fazer cobertura das manifestações na época. “Mães carregavam seus bebês enquanto oravam, e os aposentados se levantavam cedo para carregar placas que diziam: ‘Deus ama você e seu filho’ e ‘A adoção é uma escolha com a qual todos podem viver”, afirmou.

A antiga dona da clínica já considerava fechar a clínica. Com os cristãos e ativistas pró-vida a ter uma amizade com ela e seu filho, acabaram por comprar a clínica e conseguiram um emprego para o jovem.

O dinheiro foi arrecadado pelos cristãos e ativistas. Mas empresários também se uniram a ideia e, por fim, conseguiram o valor financeiro para adquirir o local, hoje reformado. Com informações Faithwire

Fonte: gospelprime.com.br

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *