Mensagens

RESOLVA AS SUAS CRISES!

Você conhece alguém que vive a mesma crise a vida toda? Pessoas que nunca estão bem? Você pergunta: “E aí, tudo bem?” E ela sempre responde contando algum problema. Pessoas que não saem nunca das crises, que alimentam os problemas para que nunca acabem. Uma pessoa assim pode até não perceber, mas não se desapega da crise porque não sabe ser feliz, não sabe viver em paz.

Conheço muitas pessoas assim, casais que brigam a mesma briga há 20, 30 anos; eles não viram o disco, não mudam de faixa, brigam no natal, no final de semana, nas férias e estes casais não se separam, eles ficam brigando a mesma briga até morrerem; é uma loucura. Eu não sei você, mas eu não nasci para isso. E eu acredito que Deus não nos fez para isso. Sabemos que é normal ter desentendimentos no casamento, mas não a vida toda; uma hora a gente cresce, amadurece e os desentendimentos mudam, as crises passam. 

Temos que aprender com os momentos de desentendimentos e superá-los. Precisamos resolver aquela situação e, se tiver um outro desentendimento, que seja por algo novo, que seja por uma situação nova. Eu te desafio a resolver suas crises, porque é preciso parar e resolver as coisas. Porque estou falando isso? Porque normalmente as pessoas acham que as crises se resolvem sozinhas, mas não é assim. O tempo pode ser o senhor da razão, mas ele não é o senhor da solução. Com o tempo as coisas podem mostrar que você estava certo, mas o tempo não resolve a crise, o que resolve a crise é enfrentá-la. Eu tenho visto famílias que passam por problemas e sabe o que eles fazem? Elas tomam a decisão de nunca mais tocarem no assunto. E isso não é saudável.

Eu já tive alegria de poder orar com casais que depois de meses ou anos separados voltaram, decidiram ficar juntos, tentaram novamente, e isso é maravilhoso, isso enche meu coração de alegria porque o importante é tentar, não é desistir. E casais que se reconciliam, para darem realmente certo, ficarem juntos, precisam gastar tempo conversando, falando sobre o que deu errado na primeira vez, ver o que não deu certo. Porque normalmente, diante de uma situação de pós-crise, as pessoas falam: “Eu não quero mais tocar neste assunto, passou!” E a vida vai seguindo, e os mesmos erros voltam a ser cometidos.

Entenda: Sentimentos enterrados vivos nunca morrem, eles precisam ser resolvidos para não voltarem. 

Sobre o colunista

Nascida em Goiânia, Lúcia converteu-se ao cristianismo aos 17 anos. Mesmo diante de uma carreira promissora como jogadora de vôlei, ela decidiu se dedicar à missão de levar a Palavra ao mundo, de conquistar almas para a vida em Jesus. Aos 19 anos, casou-se com Robson Rodovalho e juntos fundaram a Igreja Sara Nossa Terra. Hoje sãos bispos e presidentes mundiais do ministério evangélico. Teóloga e doutora em Filosofia, formou-se também em Psicologia pela Universidade Católica de Brasília, especializando-se em terapia familiar. É fundadora do mais expressivo ministério liderado pela Sara Nossa Terra, o Arena Jovem. O projeto nasceu em 2003, em Brasília, quando a Bispa Lúcia Rodovalho assumiu o desafio de mobilizar a atenção de milhares de jovens e apresentar-lhes a vida em Jesus Cristo - um caminho que levaria à transformação de suas vidas. Das habilidades que lhes são inatas e das que construiu ao longo da vida com sua experiência profissional, Bispa Lúcia considera sua capacidade de ouvir e entender o outro como o aprendizado mais relevante e decisivo para sua missão de evangelização. Quanto ao foco de seu trabalho, estruturado o projeto Arena Jovem em todo o Brasil, tem se dedicado principalmente ao tema família. Para a Bispa Lúcia Rodovalho, o amor, a base de uma família, germina à luz do respeito, do diálogo e do perdão. E a família é a base sobre a qual se constrói um futuro de realizações.

Uma resposta para “RESOLVA AS SUAS CRISES!”

  1. Silvana disse:

    Verdade! Encarar a realidade dos fatos é melhor solução e tapar as brechas onde não enxergamos faz bem ! Amém!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *