Mensagens

QUANDO A DESVANTAGEM SE TORNA VANTAGEM

A pergunta surge: Uma pedra lançada por uma funda tem poder para matar um gigante? Um expert em balística das Forças de Defesa israelenses recentemente fez uma série de cálculos mostrando que uma pedra, por um experiente lançador de funda, a uma distância de 35 metros, teria atingido a cabeça de Golias a uma velocidade de 34 metros por segundo – mais do que o suficiente para penetrar no crânio e deixá-lo inconsciente ou morto.

Golias, com seu pesado equipamento para um confronto corpo a corpo, foi surpreendido por uma pedra, que ele julgava impossível de atingi-lo. No confronto corpo a corpo, ele poderia ficar imóvel defendendo-se dos golpes com sua armadura e desferindo um ataque poderoso com sua lança.

Observou Davi se aproximar com desprezo, depois com surpresa e, por fim, com horror, quando se deu conta que o confronto havia mudado, que as cartas não estavam mais em seu poder.

“Você vem contra mim com espada, lança e dardos”, disse Davi para Golias. “Mas eu vou contra você em nome do Senhor dos Exércitos, o Deus dos exércitos de Israel, a quem você desafiou. Hoje mesmo, o Senhor o entregará em minhas mãos, eu o matarei e cortarei sua cabeça. E todos aqui saberão que não é por espada ou por lança que o Senhor concede vitória, pois a batalha é do Senhor, e Ele entregará todos vocês em nossas mãos.”

Por duas vezes Davi menciona a espada e a lança de Golias, como para enfatizar quão diferentes são suas intenções. “Enquanto você confia na sua força eu confio no meu Deus.”

Davi usa o instrumento que ele estava treinado, acostumado, a funda era sua arma de defesa contra os predadores que atacavam seu rebanho.

Davi não buscou apoio em algo desconhecido, mesmo que a funda não fosse uma arma muito imponente, ele sabia do seu poder de ataque quando usada adequadamente.

Sobre o colunista

Nascida em Goiânia, Lúcia converteu-se ao cristianismo aos 17 anos. Mesmo diante de uma carreira promissora como jogadora de vôlei, ela decidiu se dedicar à missão de levar a Palavra ao mundo, de conquistar almas para a vida em Jesus. Aos 19 anos, casou-se com Robson Rodovalho e juntos fundaram a Igreja Sara Nossa Terra. Hoje sãos bispos e presidentes mundiais do ministério evangélico. Teóloga e doutora em Filosofia, formou-se também em Psicologia pela Universidade Católica de Brasília, especializando-se em terapia familiar. É fundadora do mais expressivo ministério liderado pela Sara Nossa Terra, o Arena Jovem. O projeto nasceu em 2003, em Brasília, quando a Bispa Lúcia Rodovalho assumiu o desafio de mobilizar a atenção de milhares de jovens e apresentar-lhes a vida em Jesus Cristo - um caminho que levaria à transformação de suas vidas. Das habilidades que lhes são inatas e das que construiu ao longo da vida com sua experiência profissional, Bispa Lúcia considera sua capacidade de ouvir e entender o outro como o aprendizado mais relevante e decisivo para sua missão de evangelização. Quanto ao foco de seu trabalho, estruturado o projeto Arena Jovem em todo o Brasil, tem se dedicado principalmente ao tema família. Para a Bispa Lúcia Rodovalho, o amor, a base de uma família, germina à luz do respeito, do diálogo e do perdão. E a família é a base sobre a qual se constrói um futuro de realizações.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress Image Lightbox Plugin