Mensagens

Mãe

Faz parte da natureza materna proteger os filhos quando estes são indefesos. Mas, à medida que eles crescem, é importante exercer devidamente seu papel para que haja equilíbrio em suas emoções. Pai e mãe devem exercer devidamente seus papéis para a criança ser bem-sucedida e equilibrada em suas emoções.

Filhos precisam de proteção, educação, disciplina (que não pode ser confundida com controle), se sentir supridos nas suas emoções. Isto inclui os cuidados, o colo, o apoio na infância, o diálogo na adolescência, a formação moral, intelectual, profissional e espiritual. Filhos precisam conhecer e conviver em intimidade com seus pais, pois isto lhes dará segurança. Filhos precisam de limites, para saber até onde podem ir e fazer.

Filhos devem receber Proteção Espiritual, serem ensinados nos caminhos e princípios de Deus, incentivados à leitura da Bíblia e à oração, levados à Igreja, receberem os modelos bíblicos a serem seguidos.

Filhos devem receber Proteção Emocional, e os pais devem transmitir confiança, segurança, aceitação e respeito, não economizando no amor, nos elogios e, principalmente, no carinho e afeto. Sem contato físico a criança morre emocionalmente. Até a correção, quando necessária, deve ser feita em amor.

Se eles receberem todo esse suprimento e orientação, ao se emanciparem e se lançarem ao mundo sempre darão ouvidos aos seus pais e serão bem-sucedidos em todas as áreas de suas vidas!

Sobre o colunista

Nascida em Goiânia, Lúcia converteu-se ao cristianismo aos 17 anos. Mesmo diante de uma carreira promissora como jogadora de vôlei, ela decidiu se dedicar à missão de levar a Palavra ao mundo, de conquistar almas para a vida em Jesus. Aos 19 anos, casou-se com Robson Rodovalho e juntos fundaram a Igreja Sara Nossa Terra. Hoje sãos bispos e presidentes mundiais do ministério evangélico. Teóloga e doutora em Filosofia, formou-se também em Psicologia pela Universidade Católica de Brasília, especializando-se em terapia familiar. É fundadora do mais expressivo ministério liderado pela Sara Nossa Terra, o Arena Jovem. O projeto nasceu em 2003, em Brasília, quando a Bispa Lúcia Rodovalho assumiu o desafio de mobilizar a atenção de milhares de jovens e apresentar-lhes a vida em Jesus Cristo - um caminho que levaria à transformação de suas vidas. Das habilidades que lhes são inatas e das que construiu ao longo da vida com sua experiência profissional, Bispa Lúcia considera sua capacidade de ouvir e entender o outro como o aprendizado mais relevante e decisivo para sua missão de evangelização. Quanto ao foco de seu trabalho, estruturado o projeto Arena Jovem em todo o Brasil, tem se dedicado principalmente ao tema família. Para a Bispa Lúcia Rodovalho, o amor, a base de uma família, germina à luz do respeito, do diálogo e do perdão. E a família é a base sobre a qual se constrói um futuro de realizações.

Deixe uma resposta