Mensagens

REAJA POSITIVAMENTE AO SOFRIMENTO

Ora, irmãos, não quero que ignoreis que nossos pais estiveram todos debaixo da nuvem, e todos passaram pelo mar. E todos foram batizados em Moisés, na nuvem e no mar. E todos comeram de uma mesma comida espiritual. E beberam todos de uma mesma bebida espiritual, porque bebiam da pedra espiritual que os seguia; e a pedra era Cristo.(1 Coríntios 10:1-4)

Todos passaram pelo mar, ou seja, todos tiveram milagres em suas vidas. Todos viram o poder, o sobrenatural. Todos chegaram do outro lado, todos foram arrancados do Egito e conduzidos à outra terra. Não ficou ninguém de fora. Todos tiveram a oportunidade de ter fé, todos viram os milagres. Todos foram privilegiados, e Ele não fez acepção de pessoas, entretanto, Deus não se agradou da maioria deles e por isso, eles ficaram prostrados, caídos no deserto. Então, não fique derrotado no deserto.

Passe ao outro lado em fé, porque o anjo de Deus vai te conduzir na vitória. Deus não se agradou da maioria deles por conta do coração, mas eles tiveram grandes oportunidades, como o manjar espiritual.

Eu sou físico, e um dos sonhos meus é poder dedicar alguns anos ao laboratório, quero fazer algumas pesquisas, e dentre elas é na loucura de recuperar o áudio da voz de Jesus. É possível isso? Eu acho que sim, mas depende da amplificação da frequência que a gente conseguir ter, porque a voz de Jesus está reverberando por aí. Já pensou se conseguimos ampliar aquilo? Que maravilha será. E isso é um manjar espiritual de poder ouvir Jesus no sermão do monte.

A ciência esta caminhando muito para coisas que a gente nunca imaginou chegar, prepare o seu coração, porque você vai ver coisas que vão te surpreender e é para bênção, ou melhor, que seja para a bênção. Ver o manjar cair dos céus, ver o mar vermelho abrir,  participar, estar naqueles ambientes, isso é coisa pequena? Isso não é.  Você tem alguma dúvida que Deus está presente? Duas semanas depois, aquelas pessoas que estavam comendo o maná, que estavam atravessando o mar, que viram a coluna do mar, que viram o fogo, duas semanas depois estavam dizendo que Deus não existe, que Deus se esqueceu deles. Mas você não viu, não tocou, não se alimentou desse maná?

O coração é tudo e um bom coração, quebrantado, humilde, alcança tudo de Deus. Um coração duro, rebelde, amargurado, ferido é difícil. Tenha um bom coração para Deus, para a presença de Deus. Mesmo que você sofra,  mesmo que a resposta de Deus não seja tão rápida como você imaginou ou gostaria, tenha calma e lembre-se do que Ele fez lá atrás. Lembra dos milagres, dos manjares espirituais que você participou.

Por isso, escreva na sua Bíblia, pregue no seu armário, cole no seu carro, para que você se lembre das grandes coisas que o Senhor fez por você. Reaja positivamente ao sofrimento.

Sobre o colunista

Robson Rodovalho é físico graduado pela Universidade Federal de Goiás, da qual também foi professor. Formou-se ainda em Teologia e Filosofia, adquirindo conhecimentos que associa às suas constantes pesquisas no campo da Física Quântica. É fundador, Bispo e presidente do Ministério Sara Nossa Terra, que criou em 1992, ao lado de sua esposa, Bispa Lúcia Rodovalho. Conferencista internacional, ministra palestras sobre temas relacionados à relação entre ciência e fé, gestão, desenvolvimento pessoal e profissional, entre outros. Compositor e cantor, já lançou dois DVDs e sete CDs. Com o título “Sara Nossa Terra, Por Favor”, gravado pela Som Livre, garantiu o Disco de Ouro, em 2013. Rodovalho também é escritor. Seu ultimo livro, Rompiendo las Maldiciones Hereditarias, junta-se a uma bibliografia própria com mais de setenta obras. Entre os títulos de caréter científico, destaca-se Ciência e Fé – O Reencontro pela Física Quântica. Publicado pela editora LeYa, o título ficou por três semanas no topo da lista dos mais vendidos no país da revista Veja, logo após seu lançamento, em julho de 2014. Presidente da Rede Gênesis de TV e da Rede Sara Brasil de rádio, Rodovalho apresenta o programa Vida com Esperança, que vai ao ar diariamente para 22 capitais em sinal captado pelas TVs abertas. A transmissão também é reproduzida pelas rádios. Atuou como deputado federal por um mandato (2007-2010), deixando relevante legado para a sociedade. Entre as suas contribuições, destacam-se as bases da legislação que concedeu isenção fiscal ao microimportador (“sacoleiros”), além da lei que reconhece eventos gospel como culturais, concedendo-lhes os benefícios da Lei Rouanet que garantem financiamento mediante renúncia fiscal. Entre as homenagens que recebeu estão a condecoração como Destaque Nacional da Frente Parlamentar Evangélica (2004), Honra ao Mérito – Comissão Nacional de Defesa dos Direitos Humanos (2009) e Medalha do Mérito Legislativo (2013).

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

WordPress Image Lightbox Plugin